Saiba como fazer um plano de comunicação na empresa

Como fazer um plano de comunicação

A comunicação é uma área chave. É ela que cria e preserva a imagem, um dos maiores ativos que qualquer negócio pode construir. Mas, para isso, ela precisa ser eficaz. Você sabe como garantir os melhores resultados? A resposta está em um bom plano de comunicação.

Com um plano de comunicação, sua empresa não perde oportunidades, garante o retorno de seus investimentos e, de quebra, se prepara para as crises. No post de hoje, elaboramos um passo a passo essencial para você montar o seu. Anote!

Defina os objetivos do plano de comunicação

Se um cursinho pré-vestibular deseja cativar vestibulandos e aumentar as matrículas, ele precisa adotar uma estratégia de comunicação que gere empatia com os jovens.

A comunicação precisa estar em sintonia com a estratégia global da empresa por um motivo simples: ela será o contato direto entre o negócio e seus stakeholders, de clientes a profissionais interessados em um emprego.

Por isso, o plano de comunicação deve abranger desde os canais utilizados, como veremos adiante, à linguagem a ser adotada. E, para que essas escolhas sejam feitas de forma acertada, é indispensável saber o que a empresa pretende alcançar.

Determine o público-alvo e não esqueça os demais

Os objetivos foram traçados, mas, para alcançá-los, você vai passar por ele: o seu público-alvo. Não importa se o seu objetivo é melhorar a imagem da empresa, aumentar a retenção de talentos, turbinar as vendas.

Para que seu plano de comunicação tenha sucesso, é preciso conhecer, entender e saber como atender o seu público. Por isso, defina os públicos-alvo no início do planejamento e quais objetivos estão ligados a cada um deles.

Para aumentar as vendas, você vai precisar se comunicar com clientes. Para reter talentos, com profissionais. Para melhorar a imagem, você vai falar com todos. Saiba quem são, trace seus perfis, descubra que canais costumam utilizar, que conteúdo preferem e como se manifestam.

Especifique os recursos necessários

Além de uma equipe qualificada — lembre-se de que a comunicação vai representar a empresa diante do público —, é preciso definir que outros recursos serão necessários. Aqui, entram recursos tecnológicos, de tempo, infraestrutura, entre outros.

Sua empresa terá uma equipe interna ou vai terceirizar a comunicação? Você deseja investir em equipamentos ou vai contratar os serviços de produtoras quando tiver a necessidade? O orçamento também é fundamental. Ele precisa ser detalhado e flexível.

Estabeleça um cronograma para facilitar o planejamento. Sua empresa pretende aumentar o investimento em publicidade no Natal? Quer atrair mais talentos com um bom endomarketing aliado à divulgação das vagas?

Tudo o que pode ser previsto deve entrar na conta. Mas lembre-se sempre de ter um backup em caso de crises — a comunicação lida diretamente com elas e pode precisar de reforços.

Planeje canais e mensagens

Você já sabe que objetivos alcançar e que recursos vai usar para garantir que seu público o ajude a alcançá-los. Agora, é hora de dar voz à sua empresa. Com base nas informações que você tem, defina quais serão seus canais oficiais.

Não se esqueça da importância das novas tecnologias: hoje, é essencial ter um site responsivo, estar presente nas redes sociais, aplicativos como o WhatsApp e explorar formatos de conteúdo em expansão, como vídeos na web.

Para muitas empresas, canais tradicionais como a TV, rádio ou meios impressos também podem ser excelentes opções para veiculação de anúncios e um bom trabalho de assessoria de imprensa, por exemplo. O importante é focar nos canais adequados ao plano.

Acompanhe os resultados

O acompanhamento dos resultados vai garantir que você fique por dentro do que está ou não funcionando, permitindo que os recursos sejam investidos de forma mais inteligente.

Prepare-se para acompanhar os resultados dos esforços da assessoria com clippings, acompanhe dados sobre materiais divulgados nos diversos meios e aproveite a mensurabilidade da web para ter um retorno em tempo real.

E, para tornar esse acompanhamento ainda mais eficaz, defina indicadores-chave de performance, os KPIs — conjunto de dados específicos ligados aos seus objetivos que mostram, de forma clara, se eles foram alcançados.

Agora que você conhece os primeiros passos essenciais para o seu plano de comunicação, que tal melhorar ainda mais a sua gestão com nossas dicas? Siga-nos no Facebook e LinkedIn!

O guia definitivo sobre vendas

1 Comentários

  • Alan

    Gostei!

Comments are closed.